quarta-feira, 7 de junho de 2017

Finanças dos milionários

O livro ”Hábitos Ricos, os hábitos de sucesso dos ricos” do autor, Thomas Corley, que estudou durante 5 anos a vida de pessoas ricas e pessoas pobres para descobrir quais as principais diferenças de hábitos entre elas. Uma das descobertas mais interessantes foi que as pessoas ricas vivem dentre de suas posses. Elas administram o seu orçamento, faz um planejamento financeira para o mês. Economizam 20% de seu lucro líquido e vivem com os 80% restantes. Já todas as pessoas que estão mal com suas finanças com dívidas acumuladas vivem fora de suas posses, gastam muito mais do que ganham e vivem no vermelho. Baixo estão 8 formas comuns citadas no livro que os ricos usam para organizar os seus gastos mensais. Creio que você que está lendo este post, já tem esses hábitos e você pode não ser um milionário ainda mais tem hábitos financeiros dos ricos, está no caminho do sucesso financeiro e uma vida prospera.
  •            Não gastam mais do que 25% em habitação, não importa se possuem casa própria ou pagam aluguel. Esse gasto não se limita ao pagamento do aluguel, mas a todas as despesas da casa, como luz, água, seguro, IPTU.

  •         Não gastam mais do que 15% em alimentos. Não significa necessariamente comer menos, mas, sim, fazer escolhas mais inteligentes na hora de comprar alimentos, evitando o que é caro e pouco saudável.

  •          Limitam todos os gastos com entretenimento a 10%. Lazer é uma parte importante da vida. Ninguém deve apenas trabalhar.

  •          Férias respondem por, no máximo, 5% do salário líquido anual. Para conhecer o valor que eles aplicam nas férias, multiplique seu salário por 13, dívida por 100 e multiplique por 5.

  •          Compram seus carros e cuidam deles até “que as rodas caiam”. Ao contrário do que muita gente pensa, as pessoas que enriqueceram não trocam de carro todo ano. Elas preferem comprar um bom carro e mantê-lo o máximo possível.

  •          Não acumulam dívidas em cartões de crédito. Dívidas são consideradas o maior inimigo pelos milionários. Todas as dívidas são quitadas integralmente no seu vencimento, inclusive as com cartões de créditos.

  •         Tentam guardar pelo menos 6 meses de renda em um fundo de emergência para o caso de um desemprego. Este é um hábito que permite a transição entre empregos sem grandes transtornos financeiros.

  •          Contribuem com o que podem para um plano de aposentadoria. Eles se preocupam com os rendimentos que terão no futuro. Por isso, além de uma aplicação regular, aplicam tudo o que recebem a mais em seu plano de aposentadoria.

4 comentários:

  1. Nunca li o livro, mas as conclusões são ótimas.

    Fiz um post falando sobre os problemas financeiros das pessoas. Depois dá uma passada lá.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. a maioria ultimamente ta naquele estilo " a vida é uma só,gasto hj amanha eu me viro,ostento na balada bla bla,troco dde carro todo ano..." mal sabem que depois terão de trabalhar dobrado

    ResponderExcluir
  3. Excelentes pontos, vou adicionar o livro na lista aqui pra que seja visto no futuro.
    Apenas acho q essa economia de apenas 20% da renda seja um pouco modesta.

    Abc

    ResponderExcluir
  4. 5% anual líquido pra férias não dá pra quase nada! Teria que abrir mão de viagens internacionais.

    ResponderExcluir